sexta-feira, 20 de outubro de 2017


Ao ver o post do amigo VDC contando seu suposto erro financeiro, lembrei da importância em ter uma reserva de emergência. Além de nos ajudar contra imprevistos, uma parte da reserva pode ser usada para aproveitarmos oportunidades!

Ao surgir aquela oportunidade, sabe, aquela? Então, se não não tivermos dinheiro para aproveita-la, teremos 3 opções;

  • Vender nossos ativos a qualquer preço, assim correndo riscos de assumir prejuízos;
  • Pegar um empréstimo ou
  • Perder a oportunidade...

Lembrando que se não tem os ativos para vender, só lhe resta tomar um empréstimo. E dependendo da oportunidade, pode não ser um bom negócio. Porém, se você se dispor a montar uma reserva, pode contar com uma parte dela para esses negócios que surgem de vez em quando!

Ou quem sabe utiliza-la toda? Dependendo da oportunidade e tomando ciência dos riscos, pode valer a pena. Sabendo que, após secar a fonte, seu trabalho será restaurá-la.

Esse é um dos motivos da reserva de emergência vir PRIMEIRO que seus investimentos. De repente, você pode até chama-la de reserva para oportunidades? Por que não? O importante é ter um montante líquido para esses eventos. Por falar nisso, está se preparando para as eleições de 2018?  É uma boa deixa para providenciar um montante liquido...



Portanto, Não pule etapas! Se está pensando em investir em Ações, Comprar Criptomoedas, Fundos de Investimento Imobiliário (FII), e até CDBs com liquidez só no vencimento, saiba que primeiro você deve montar sua reserva. Afinal, você não quer que um imprevisto te obrigue a vender as ações recém adquiridas, não é mesmo?

Conforme postei em Novembro de 2016, a reserva de emergência é um montante de dinheiro que você deixa aplicado em algo como Poupança, CDBs com liquidez diária, Tesouro Selic, (Há pessoas que deixam o dinheiro em casa, mas já sabe, não é recomendado!) com o intuito de te proteger contra imprevistos. Imprevistos como doenças, perda do emprego, quebra do seu veículo...

Abaixo um trecho retirado do site valoresreais.com explicando melhor;
" Reserva de Emergência nada mais é do que uma provisão financeira alocada em investimento conservador, de baixo risco e de alta liquidez, que lhe permita resolver problemas financeiros sem depender do salário ou outra fonte de renda ativa, nem recorrer a empréstimos ou soluções que causem endividamento. É muito útil principalmente em épocas de crise ou acontecimentos inesperados que tenham repercussões negativas no patrimônio do investidor. Por exemplo: perda de emprego, doença na família etc." by valoresreais

Quanto dinheiro ter?


Quanto dinheiro devo ter em uma Reserva de Emergência?

O quanto guardar para montar sua reserva de emergência vai de cada um. Sim, o valor é você quem define!  Especialistas em finanças sugerem que você tenha guardado de 6 a 12 meses de suas despesas mensais

Mas, como disse acima, você irá definir o valor. Se você tem plano de saúde, pode colocar um valor menor.  O importante é ter essa reserva. Afinal, nunca se sabe o dia de amanhã, não é mesmo? Já ouviu a expressão, Vai que? Então, melhor prevenir...

Eu tinha definido 6 meses das minhas despesas mensais. Porém, com a crise que assola nosso país e principalmente a empresa onde trabalho, a ponto de comemorar ao ver meu salário na conta, (parece que o pior já passou! Ufa!)  resolvi aumentar para 12 meses!

E assim, estar preparado para imprevistos (não recebimento do salário, desemprego, quebra do veículo, falência da empresa) e também um projeto que estou encaminhando... E as eleições de 2018! Viva a volatilidade!  Pretendo montar operações com opções nessa época, vamos ver...

Onde guardar? 

Onde guardar o dinheiro da reserva de emergência?

Você deve colocar o dinheiro em aplicações liquidas. A mais adequada para a reserva de emergência é a Poupança. Apesar dos seus baixos rendimentos, você pode resgatar o dinheiro a hora que quiser. E isso é muito importante!

Porém, dependendo do tamanho de sua reserva, dá para você usar uma estratégia mista. Ou seja, você pode colocar uma parte dela em poupança e outra parte em um investimento com melhor rendimento.

Lembrando que esse investimento também precisa ter uma certa liquidez. Não tanto quanto a poupança, mas é interessante que ele não demore muito a lhe entregar o dinheiro.

Aqui como estava formado minha reserva;

  • 2 meses guardados em poupança;
  • 4 meses em Tesouro Selic;

Como está hoje;

  • 2 meses em poupança;
  • 7 meses em Tesouro Selic;
  • 2 meses Banco Sofisa Direto com liquidez diária.


Pretendo aumentar a reserva para aproveitar as oportunidades que acredito aparecerem devido as eleições. Até lá talvez eu chegue em 15 ou 18 meses...

Não acredita na importância dela?


Precisei utilizar uma parte para manutenção do meu veículo, manutenção essa que tirou um mês da minha reserva. Isso por que o custo da manutenção em meu veículo foi bem alto. Se eu fosse contar apenas com meu salário, eu não pagaria. Teria que deixar o carro em casa até conseguir o dinheiro para arrumá-lo.

Ou, como citado lá no inicio do post, aparecer uma oportunidade e você por não ter dinheiro não poder aproveita-la!

Viu a importância? Custos assim sempre aparecem em momentos inesperados. (Ou oportunidades!)
 
Imagina o stress se eu não tivesse reserva alguma. O que faria? Pediria emprestado?

Outra situação, já imaginou a empresa onde você trabalha não depositar seu salário? (Aconteceu comigo duas vezes na crise!) E se você não tem uma sobra em conta, o que faz?

Esse é o porquê ter uma reserva. Amenizar o stress e não aumentá-lo...


Veja Também!






See ya!

quinta-feira, 19 de outubro de 2017


Feliz dia do carinha da Informática

Uma coisa interessante sobre a blogosfera financeira é que um número respeitável de integrantes são profissionais de TI, vulgo Tecnologia da Informação. Por que será?

Seria a facilidade em utilizar computadores entre outros?  Alguém tem um palpite?

Outro ponto que chama a atenção é que pouquíssimos falam sobre a área também. Hmm, intrigante não acha?

Mas, não será esse o tema do post de hoje e sim, Parabenizar a Todos os integrantes dessa área! Uma área infelizmente não respeitada como gostaríamos, quem trabalha com servidores sabe bem o que estou falando. Afinal, poucas empresas reservam/preocupam com o espaço para essas máquinas. Mal sabem que estão lidando com o coração da empresa...

Bom, poderia dar exemplo de outras áreas, mas também não vou ficar de mimimi. Nos viramos com o que temos, certo?  Ou é assim, ou você se estressará em vão...

Enfim, meus parabéns a todos nós que se dedicamos a essa área tão estressante,

A vida do TI é estressante
Detalhe!  5:59 da tarde e você sai as 6! 

mas prazerosa também! Afinal, nada mais gratificante do que ver seu trabalho pronto/resolvido! Não é mesmo?

Para aqueles da área de Suporte Técnico como eu, acredito que conheçam o site VidadeSuporte. Se não, passem lá e vejam a vida como ela é rsrsrs. E mesmo que não seja de Suporte, acredito que se identificará com alguns temas!

Veja abaixo uma de suas tirinhas;

Hoje é dia do profissional de TI

Essa tirinha continua...






Bis bald!

quarta-feira, 18 de outubro de 2017


Vale a pena abrir uma segunda conta corrente?


Dias desse publiquei o post Ter ou não ter conta em duas corretoras?  Sinceramente, tinha me esquecido dos benefícios em se ter mais de uma conta. E quando falo em conta, não falo apenas em ter contas em corretoras não, mas em bancos também. Vejamos;

Benefícios em ter mais de uma conta 


Quando abri minha conta no banco Sofisa Direto, lá em um longínquo 2011 se não me engano, teve momentos que eu esquecia que tinha dinheiro lá. É sério rsrs!  E no inicio, ao "esquecer" que você tem mais dinheiro do que imagina, pode te ajudar a não fazer besteira pois o dinheiro não está ali na sua cara, digamos assim. Você irá abrir sua conta bancária, verá que não tem nada e desistirá de comprar algo (assim espero).


Repito, para quem está iniciando, acredito ser uma estratégia bastante benéfica. Afinal, você não fica vendo seu montante toda hora (assim espero novamente). Sem contar que já não é tão mais fácil retirar o dinheiro que está em sua conta corrente principal, pois ao estar em outro lugar, você;

  • Primeiro precisará encerrar sua posição onde está investindo, isso se for um investimento com liquidez diária, 
  • Resgatar o dinheiro para sua conta,
  • Sacar o dinheiro. 

Esse trabalho a mais, pode desencoraja-lo dos impulsos, o que acho um beneficio. Outro ponto a favor, é separar o dinheiro dependendo do seu objetivo. Exemplo; Você quer ter ativos para o longo prazo e ativos para o curto prazo. No curto prazo, sua ideia é fazer várias operações. Você pretende fazer trades com esses ativos. Sabe, comprar e vender ações no mesmo dia (Daytrade), comprar e vender ao atingir um objetivo (SwingTrade), ou até mesmo operar Opções...

Ai você lembra que na corretora onde tem conta, o custo para comprar e vender um lote de ações é de R$16,20 mais impostos! Ao fazer uma breve pesquisa, encontra outras empresas cobrando R$7,00, R$2,50... Não preciso dizer mais nada certo?

E com isso, você pode aproveitar o melhor dos dois mundos! Na Rico, uso seu programa de compras agendado conforme falei em alguns posts. Ao cobrar corretagem de R$0,50 a cada R$100,00, posso agendar um valor de até R$500,00 que seu custo se igualará ao cobrado pela Modal. Abaixo disso, economizo na Rico. Porém, esse programa da Rico não permite comprar FIIs. Solução? Estou usando a Modal que cobra R$0,99 por compra/venda dos Fundos Imobiliários...

Lá no post sobre ter conta em várias corretoras, vi alguns amigos que já adotam estratégias assim. Uns dizem usar a Walpires para opções, Socopa para FIIs...Easynvest para Tesouro Direto...

Ter outra conta corrente


Digamos que você ainda tenha uma conta corrente onde paga Doc/Ted, tarifa mensal... Porém por algum motivo especifico, não a cancela. Hoje temos o banco Inter (antes Intermedium) que não lhe cobra nada por os serviços mencionados acima e ainda permite enviar dinheiro para ele sem lhe gerar custos! Veja como;

Você recebe uma quantia em sua conta corrente principal e quer enviar para o banco Inter. Se fizer um Doc/Ted irá pagar certo?  Porém, você pode ir no banco Inter e gerar um boleto com o valor que deseja transferir, pagar esse boleto em seu banco e, dentro de alguns dias receber o valor pago em sua nova conta. Há o contra de esperar alguns dias para o dinheiro ser depositado, mas lembre-se que não estará pagando nada por isso.

Contras


Como nem tudo são flores, há contras em ter mais de uma conta. O que me vem a cabeça agora é o trabalho de gerencia-las. Afinal, é mais uma para acompanhar, declarar no imposto de renda...

Sem contar que há o risco de ver o que o motivou a abrir a conta acabar. Imagina que você acabou de abrir conta em uma corretora devido ao custo mais baixo e no dia seguinte aparece uma mensagem dizendo que os custos de operação irão subir. Nada legal não é mesmo?  Mas, pode acontecer...

Tenha isso em mente!



Conheça meu novo blog!




Este blog terá foco apenas em idiomas. Lembra que disse aqui sobre estudar Alemão? Então, dei inicio...  Acompanhe por lá minha evolução!





Bis bald!

segunda-feira, 16 de outubro de 2017


Lembra das Lições Valiosas do meu Primeiro Ano de Liberdade? Pois então, hoje abordarei a segunda lição. Lá no outro post, falei sobre a importância de definir algo para a independência financeira, pois parar literalmente com tudo de uma forma brusca, pode não ser legal... Assim disse o Mad Fientist, dono da história que estou contando, que só não pirou com a mudança por ter um plano.



E após coloca-lo em prática, percebeu os benefícios que seu patrimônio o concedeu. Assim começamos o post de hoje;

Use o poder que o dinheiro te dá para tornar seu trabalho melhor!

Torne seu trabalho melhor usando seu... dinheiro!


Ao "trabalhar" logo após sua independência financeira, Mad Fientist percebeu que estava fazendo praticamente a mesma coisa de antes! E isso aconteceu devido a sua condição financeira. Ao atingir um patrimônio legal, difícil dizer em números o que seria um patrimônio legal, então vamos supor que seja um patrimônio que cubra suas despesas por cinco anos. Ou dez anos?  Difícil dizer, não é mesmo?

Bom, mas o fato é que devido ao tamanho do seu patrimônio, Mad Fientist pôde "negociar" as condições de seu trabalho. Ao invés de bater cartão em um escritório por ai, definiu com o empregador que trabalharia de sua casa.

E em suas palavras, disse que atingiu 80% dos benefícios de se aposentar cedo durante os dois anos que trabalhou em casa sem redução no salário.

Este ano, tive um pouco do gostinho de trabalhar em casa. Não precisar enfrentar transito, trabalhar vestido do jeito que quiser (a menos que tenha que fazer uma videoconferência rs).

Sem contar que você pode fazer sua comida, pode dar uma pausa em seu trabalho pois não terá que fazer cena para ninguém, ou seja liberdade!  Algo que a independência financeira nos traz! Lógico que não há só benefícios, trabalhar em casa é solitário, irá testar sua concentração, pois há várias fontes de distração em sua casa. Mas, sabendo lidar com isso, é bem recompensador.

Onde trabalho, há um senhor que já atingiu sua independência financeira. E sua história mostra como nosso patrimônio pode nos ajudar. Em seu inicio de carreira, este senhor fez como nós estamos fazendo, focando no aporte. Sim, todo mês ele aportava uma parte de seu salário. Porém, ele fez isso até se sentir confortável para seguir "carreira solo". Ao juntar uma quantia na qual pagasse todas as suas despesas por uns 3 anos, este senhor saiu do emprego onde estava e colocou em prática seu plano.

Sempre que falamos sobre trabalho ele me fala para fazer isso;

  • Inglês, junte uma grana para te manter por um tempo (reserva de emergência) e trabalhe para você! Faça seus clientes, faça seu salário... 







Bis bald!

sexta-feira, 13 de outubro de 2017


A mensagem do filme Sim Senhor!

Ao olhar para o cartaz do filme do Jim Carrey - Sim Senhor, você pode pensar - Pô, mais um filme desse comediante!  É, mais um filme. Porém, ele tem uma mensagem subliminar, mentira, a mensagem é bem clara e na qual norteia o filme.

A mensagem deste filme pega em cheio pessoas que só dizem NÃO. E confesso, já tive essa fase. Não, era uma palavra bem requisitada em meu vocabulário. Tipo;


  • Colega do trabalho:  - Inglês, vamos se reunir com a galera do trabalho?
  • Inglês: - Valeu, mas hoje não... (forma educada de dizer não. Com o passar do tempo, você elabora várias rsrs)


E isso não foi só com a galera do trabalho não, deixei de visitar parentes, amigos, conhecidos, jogar futebol, tênis... Dificilmente eu saia da minha zona de conforto. Era só me convidar para um lugar onde eu conhecesse pouquíssimas pessoas, ou mesmo conhecer apenas a pessoa que me convidou, que o Não estava garantido.

E no filme, Jim Carrey é este cara. A diferença entre ele e eu é que ele estava assim por ter se separado. Depois desse episódio, ele deixou a vida dele em piloto automático, digamos assim. Por estar deprimido (que não foi meu caso, apenas dizia não por conforto, timidez...), Jim Carrey sempre dizia não para os convites. Foi assim até o dia em que ele resolveu entrar em um programa onde precisava dizer SIM para tudo!  Maluco não, ops sim!

Bom, preciso dizer que a vida dele mudou? (Quase o não na frente do verbo precisar rsrs  Vicia isso!)

Após entrar no programa, Jim Carrey saiu do piloto automático, saiu de sua zona de conforto. Com isso, passou a conhecer novas pessoas, a fazer novas atividades. Isso mudou seu humor, sua auto estima...

E você, quantas vezes disse não as oportunidades que apareceram?





Posts Relacionados





Bis bald!

quarta-feira, 11 de outubro de 2017


Mais um mês se passou e estamos aqui para mais um fechamento do meu estudo sobre a fórmula mágica Joel Greenblatt. Se você é novo no blog, click no link destacado logo atrás para conhecer esse meu simulado.

Bom, sem delongas. Show me the numbers!

Fórmula Mágica Joel Greenblatt - Setembro 2017


A carteira Joel Greenblatt está com quase o dobro da valorização anual do Ibovespa!  Quem diria não? Já no mensal, a fórmula mágica ganhou por uma diferença...pequena. Para o Ibovespa reverter esse quadro, acho que só por um milagre hein... O que acha?



Destaques do mês


As ações que se destacaram positivamente no mês são;
  • ESTC3      17,43%;
  • LREN3     16,14%;
  • SMLE3     13,27%.

No âmbito negativo, os meus pêsames vão para;
  • RENT3     -4,07%
  • BEEF3      -3,28%
  • CIEL3       -1,57%

Seguindo os critérios do Fantástico, a ESTC3 pode pedir música!  3° mês seguido como destaque na carteira. No anual, essa ação já se aproxima da CARD3 com uma valorização de 100%. A CARD3 no momento está com mais de 120%.

Enquanto isso a CIEL3 vai para seu segundo mês negativo. Será que seguirá os passos da ESTC3 ao contrário?

Ah, a música escolhida é esta abaixo!


Comparativo Fórmula Mágica 8 ações x Ibovespa


Carteira Fórmula Mágica contra o Ibovespa


E a carteira com 8 ações está bem perto da marca de 60% anual! No mês, a briga entre a carteira fórmula mágica contra o Ibovespa foi de dar dó... 8 x 4 para a carteira.   É Ibov, não tá fácil para você não...

Bom, mudando de assunto, setembro se foi e outubro já está se encaminhando para sua metade. E ai te pergunto, como andam suas metas que fez lá em um longínquo janeiro?

Em julho revisei como andam minhas metas. Algumas cumpri e outras acredito estar no caminho. E você, já revisou seus planos?  Vai conseguir atingi-los até dezembro?  O ano está acabando hein, mas ainda dá tempo!



Posts Relacionados






Bis bald!

segunda-feira, 9 de outubro de 2017


Dúvida quanto a ter conta em duas corretoras

Hallo meine Freunde!

Tomei vergonha na cara e procurei uma corretora com custos mais apropriados para meus aportes! Lembra que os custos da Rico dobraram? Desde então não aportei mais em FII. Acredito ter sido só uma coincidência, mas o fato é que não comprei mais nenhum fundo imobiliário para minha carteira. E após meu post contando os primeiros passos para investir neste ativo, resolvi voltar a aportar neles. Até devido a distribuição estar defasada. Hoje os FIIs estão com menos de 5% do meu patrimônio! Bora corrigir isso ai!

Bom, mas o post não é para falar sobre FIIs e sim sobre ter conta em várias corretoras. Abri conta na ModalMais devido aos custos. Veja só a diferença entre ela e a Rico;

  • Compra de FIIs pela Rico = R$16,20
  • Compra de FIIs pela Modal = R$0,99

Em se tratando de custos, não faz sentido continuar na Rico, não é mesmo?

Assim respondo a pergunto que dá título ao post;

Sim, tenha duas ou mais contas!


Como não há problema algum em ter várias contas, você pode aproveitar o que de melhor cada corretora oferece. Abaixo nos comentários, vejo como alguns amigos usam essa estratégia. Alguns comentaram aqui que recorrem a corretora Walpires para operar Day Trade e Opções. Muitos usam a Easynvest para Tesouro Direto e Renda fixa e para Ações e FIIs, muitos estão migrando para a Modal ou Socopa.

A finalidade em ter várias contas é diminuir custos e aumentar a exposição a novos ativos!

Os Contras


A desvantagem em ter várias contas fica por sua administração. Lembre-se, você terá mais uma conta para guardar senha, conferir extrato e por ai vai...

Se for transferir os ativos de uma corretora para outra, terá que assinar em cartório e enviar via correios. Acredita nisso?  Infelizmente, é necessário...

Porém, acredito serem o de menos perante os benefícios em ter mais de uma conta. Conforme escrevi mais acima, veja a diferença de corretagem de uma corretora para outra. Enorme, não? Sem contar que você pode ficar exposto a mais ativos.

Só não esqueça de um detalhe! A ideia em ter várias contas é para diminuir os custos de operação. Por isso, fique ligado! 

O que vou fazer?


Sinceramente estou na dúvida entre mandar minhas ações para a Modal. Se for (É) possível, já enviei a pergunta para a corretora (a corretora respondeu confirmando a operação), pretendo deixar as ações na Rico e assim continuar usando seu serviço de compra programada e transferir meus FIIs de lá para a Modal.

Por hora, vou manter meus ativos na Rico, já que a mesma não está cobrando taxa de custódia. Já na  Modal, irei comprando os novos FIIs e Ações quando o aporte for maior. Farei isso pois não estou afim de ir a cartório para realizar uma simples transferência.

Pergunto, alguém já fez isso? Tipo deixar FIIs em uma conta e Ações em outra. Do zero sei que é possível. Mas e transferir a custódia de apenas alguns ativos, alguém já fez?

Caso não seja possível, vou estudar em transferir minhas ações para a Modal.

O que você faria em meu lugar?  Você trabalha com quantas corretoras?

Ah, detalhe importante!  Não escolha corretoras somente pelos custos!  Eles são importantíssimos, principalmente para quem aporta pouco, mas é preciso verificar outros quesitos. Infelizmente, já presenciamos golpes de corretoras como este aqui. Portanto, todo cuidado é pouco...




Conheça meu novo blog!




Este blog terá foco apenas em idiomas. Lembra que disse aqui sobre estudar Alemão? Então, dei inicio...  Acompanhe por lá minha evolução!




Bis bald!

sexta-feira, 6 de outubro de 2017


Como prometido, eis o post sobre como escolher FIIs de tijolos. Quanto aos fundos de investimento imobiliário de papel, deixarei para falar sobre eles depois, até por não ter pesquisado nada referente a eles. Este post é um compilado das pesquisas que fiz sobre o assunto fundos de tijolos. Deixo aqui meu incentivo a você fazer o mesmo quando terminar a leitura. Bora lá!


Primeiros passos


Para um iniciante na área assim como eu, deixo abaixo a sugestão de leitura do livro;

"Introdução aos Fundos de Investimento Imobiliário - André Bacci"

Introdução aos Fundos de Investimento Imobiliário (FII)


Procure escolher FIIs que estejam dentro da carteira IFIX. O porquê disto?  Liquidez. Os fundos que se encontram fora do índice geralmente apresentam baixíssima liquidez dificultando sua entrada ou saída.

Dentro da carteira IFIX, procure estudar os fundos do maior para o menor. A ideia aqui é fugir da concentração. Fundos pequenos geralmente possuem poucos imóveis quando não apresentam apenas um. Sem contar fundos que possuem apenas salas, esses eu descarto logo de cara.

Atente-se também quanto a economia onde o imóvel está situado. Exemplo, o fundo EDGA tem um bom imóvel e está bem localizado, porém está no Rio de Janeiro. Sabemos a situação difícil que se passa o Rio, não preciso dizer que isso afeta o fundo, certo?

O exemplo acima reforça a ideia de preferir fundos com mais imóveis e que estejam em lugares diferentes. Não concentre sua carteira de FIIs em uma mesma cidade/estado! Resumo, prefira os fundos multi-imóveis e multi-inquilinos. Em tempos de alta vacância, estes fundos sofrerão menos do que fundos mono-imóveis e mono-inquilinos.

Tome cuidado com fundos em RMG. Procure conhecer o prazo da renda mínima garantida e acompanhe de perto o trabalho do fundo. Alguém lembra do CEOC?

É por essas e outras que você deve ler os relatórios do fundo. Procure observar pontos como vacância atual, se há vacância prevista. Veja se há não recorrentes inseridos na renda mensal. Também é importante acompanhar como anda a conservação dos imóveis perante o fundo, principalmente se não são novos. Caso o relatório não traga essas informações, pergunte ao RI. Caso o RI não o responda, já sabe o que fazer né?

Não escolha FIIs baseados em yeld! Como falei acima, a renda mensal pode estar inflacionada devido a uma situação não típica do fundo. E para não ter surpresas quanto a renda, verifique os prazos dos contratos de aluguéis.

Abaixo, um resumo do que verificar;

  • Localização dos Imóveis
  • Tipo do Imóvel (se é de logística, bancário, hospital...)
  • Idade do Imóvel
  • Quantidade de Imóveis
  • Quantidade de Inquilinos
  • Duração do contrato
  • Gestão do Fundo

Esses pontos, você pode ver a explicação detalhada de cada um deles neste post do amigo SoulSurfer e nesta discussão no site do Bastter.

Neste link http://pensamentosfinanceiros.blogspot.com.br/2014/02/como-estruturar-uma-carteira-de-fii.html o Soul mostra como estruturar uma carteira de FII. Vale a leitura!

Para ficar por dentro das ultimas informações, além de acompanhar o RI, acesse os sites;


Caso tenha algum ponto interessante que eu tenha deixado de fora, por favor, deixe-o nos comentários!            Toda ajuda é bem vinda!  😄😄😄



Conheça meu novo blog!



Este blog terá foco apenas em idiomas. Lembra que disse aqui sobre estudar Alemão? Então, dei inicio...  Acompanhe por lá minha evolução!




Bis bald!

terça-feira, 3 de outubro de 2017


No post anterior - O que você faria se fosse investir pela primeira vez?, busquei a reflexão da galera para montar este texto. A ideia hoje é mostrar o que eu faria e por tabela te ajudar a iniciar no mundo dos investimentos. Isto em alemão fica;
"Zwei Fliegen mit einer Klappe schlagen" - Matar dois coelhos em uma cajadada só! 

O que eu faria?


Voltando no tempo, com a mentalidade de agora (que bom seria não?  Desfazer as bobagens que fizemos. Porém isso mudaria o nosso presente. Lembra do filme Efeito Borboleta?)  eu mudaria um detalhe que acredito ser essencial para seu futuro patrimônio.


Tenha uma reserva de emergência!


Antes de contar a você o que mudaria, obrigado pela contribuição André!   Primeiro preciso lhe alertar! Lembre-se de só investir depois de formar uma reserva de emergência. Não adianta nada você começar a investir, principalmente na renda variável, e logo após precisar do dinheiro. As chances de você resgatar menos do que investiu são grandes. Na bolsa há um ditado que entramos já perdendo... E você não quer perder não é mesmo?

Ou, imagina que investiu em um CDB com vencimento daqui há dois anos e você precisa do dinheiro agora?  Melhor não imaginar...

Conhecimento


Conhecimento é o que faria diferente. Não seria em ações, tesouro direto, ou qualquer outra coisa, e sim, em aprender um pouco de cada um desses ativos.

Não adianta eu vir aqui e falar para você começar a investir 100 reais na bolsa de valores todos os meses, se você não entende como esse investimento funciona. Na primeira grande queda que este ativo apresente, você sairá da bolsa e desejará nunca mais voltar.

Ou te aconselhar a comprar Tesouro IPCA com juros Semestrais, investimento esse voltado para renda e não acumulação de patrimônio. O que não faz muito sentido quando estamos começando não é mesmo? Já que no inicio, estamos em busca de formar um patrimônio. A não ser que você tenha herdado uma boa grana, mas ai foge do foco deste texto.

Aqui, recomendo você começar com o livro abaixo;

comece a investir usando o livro Investidor Inteligente!

Veja este link e entenderá o porquê de estudar antes.

Paciência


No inicio, com pouco dinheiro para investir, você se verá tentado a gastar o pouco que junta devido aos baixos retornos. Principalmente porque no começo nossas opções de investimentos não são tão amplas. Eu quando comecei tive que me contentar com a poupança por um tempo. E os rendimentos da poupança todos sabemos não ser lá essas coisas...

Felizmente, hoje temos um cenário melhor para o pequeno investidor. Temos o Banco Sofisa que lhe permite aplicar em CDBs com 100% do CDI com menos de R$100,00. A corretora Rico tem um programa legal permitindo investir R$100,00 ao mês no mercado de ações com um custo legal.

Porém, mesmo com o acesso facilitado a esses ativos, lembre-se que você terá que ter paciência. Principalmente na bolsa de valores. Nela você verá na prática o significado de volatilidade. Em algum momento ficará extremamente feliz e corajoso por ver retornos inesperados, tipo uma variação positiva de 10% ou mais... Já em outros, verá seu dinheiro derreter 20% e sua coragem ser transformada em pânico!

Por isso, reforço estudar a renda variável. Caso contrário, sua permanência nela pode ser bastante abreviada...

Criação do Hábito

Livro - O Poder do Hábito
Livro recomendado!

Ao manter a paciência, a calma em ver seu esforço em guardar pequenas quantias sendo remunerado não da forma como gostaria, você ganha um aliado para se manter no jogo. E esse cara se chama hábito. Vou dar o exemplo de quem inicia na musculação;

Ao entrar em uma academia, a primeira semana é extremamente desafiadora. Não temos força, resistência. Adicione a vergonha aos itens anteriores e terá um grande obstáculo para permanecer na academia. Sem força de vontade, sem um foco, dificilmente você passará para a próxima semana. Porém, conforme vai passando o tempo e você se mantém firme na rotina de "ir treinar", mesmo não vendo resultados, você cria um hábito. E com ele, sua tarefa fica mais fácil....

Eu por exemplo, quando a Rico lançou seu programa de compras mensais na bolsa de valores com 100 reais, estava num "all-in" em renda fixa. Já contei em alguns posts que meu inicio na renda variável não foi legal e isso me fez ficar de fora dela por um tempo. Com o programa da Rico, eu pude investir mensalmente na bolsa com uma pequena quantia. Isso me ajudou a criar um hábito. Os obstáculos que me faziam sair da bolsa (procurar altas rentabilidades, trades e etc), foram superados pelo hábito que criei de comprar apenas na data programada.

Portanto, independente do valor que você tenha para investir, invista! Logo você criará um hábito e essa tarefa ficará bem mais fácil para você. Tentações que por hora apareçam para lhe tirar do caminho, com um hábito estabelecido, perderão forças e você continuará na busca pelo seu objetivo.

Conclusão


Como disse mais acima, hoje felizmente temos mais opções para investir com pouco dinheiro. Porém, não te indico qual ativo é melhor que outro para seu inicio no mundo dos investimentos. Eu começaria entendendo cada um dos investimentos disponíveis, criaria o hábito de investir um pouco todo mês em renda variável, buscaria manter a calma, pois não será do dia para a noite que os investimentos "mostrarão a que vieram" e, buscaria o investimento em mim mesmo. Ao invés de se preocupar com rentabilidades, procuraria me desenvolver. Pois;

"Com mais habilidades aumentam as chances de um ganho maior que significa um maior aporte tendo como consequência um menor tempo para a Independência Financeira."
by Investidor Inglês




Conheça meu novo blog!



Este blog terá foco apenas em idiomas. Lembra que disse aqui sobre estudar Alemão? Então, dei inicio...  Acompanhe por lá minha evolução!




See ya!


sábado, 30 de setembro de 2017


Dias atrás lendo o post do Corey sobre onde investir 200 mil, pensei neste post  - O que faria se fosse investir pela primeira vez?   Será que já partiria para a bolsa de valores? Tesouro direto? CDBs? Ou ficaria na poupança mesmo?

Voltando a um passado não tão distante, após ler meu primeiro livro sobre finanças que você verá abaixo, sabe onde foi que o Investidor Inglês colocou seu rico dinheirinho?

Livro - Investimentos - Mauro Halfeld
Primeiro livro sobre investimentos...

Investi em um fundo multimercado da Mapfre. Oh lord! que rentabilidade mediocre eu resgatei na época... Fiquei uns dois anos nesse investimento. Olhe só o que a falta de informação faz, entrei nesse fundo com uma taxa de administração de 2% acompanhado de uma taxa de performance de 20% do que exceder. Sem contar que fundos contam com o famigerado come-cotas...

Logo após veio a bolsa de valores, na qual transformei-a em um cassino. Me vem a mente horas perdidas em Agrenco, Telebras, fóruns atrás da bola da vez... Interessante notar que vejo as pessoas entrando hoje da mesma forma que fiz lá atrás. Escrevi dias atrás sobre isso...Santo Batman!



Por medo, eu nunca coloquei TODO o meu dinheiro em um só lugar. Isso me permitiu sair quase ileso da bolsa, digamos assim... Sem contar que isso reforçou meu hábito em diversificar. Ficou como lição, sabe?

Bom, mas e ai, o que você faria se fosse investir pela primeira vez? 

Com a sua opinião, tentarei montar um post sobre como iniciar no "mundo de investimentos".

Conto com sua ajuda!  Have a nice weekend!


Ah, poxa ia me esquecendo de divulgar meu novo blog! 




Este blog terá foco apenas em idiomas. Lembra que disse aqui sobre estudar Alemão? Então, dei inicio...  Acompanhe por lá minha evolução!

Saiba o que está rolando no blog!







See ya!

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Qual a consequência de um vicio?


O post de hoje aborda uma história digna de "novela". E infelizmente, uma novela com um final nada bom. Quem sabe mostrando as consequências dessa história eu possa abrir os olhos de quem está "começando" em algum tipo de vicio...

Abaixo uma escrita diferente. Comente o que achou, Ok? Espero que curta! Let's go!


Ricardo e Maria


Maria - Ricardo, como vão os negócios?

Ricardo - Estão indo muito bem meu amor!

Maria - Hmm, que bom querido. Poderemos dar um bom futuro a nossos filhos!

Ricardo - Com certeza!

Maria - Ricardo, será que podemos melhorar nossa casa?

Ricardo - Calma Maria! Ainda não é hora disso...

Amiga Invejosa e Maria


Amiga Invejosa - Maria, soube que seu marido montou uma loja. Agora vão poder comprar um carro não é?

Maria - É, talvez meu marido compre um. Mas eu gostaria que primeiro ele melhorasse nossa casa

Amiga Invejosa - Amiga, insista! Agora vocês podem, não é?

Maria - É verdade...

Maria, Ricardo e Inglês


Inglês - Fala Ricardão!  Quanto tempo velho!  Soube que montou um negócio. Meus parabéns cara!

Ricardo - Fala ae Inglês! Belezinha?  Sim, está sendo desafiador!

Maria -  É Inglês, ele montou esse negócio, mas não está querendo usufruir dele.

Inglês - Como assim Maria?

Maria - Estou dizendo para meu Marido começar a gastar o que está ganhando. Quero melhorar essa casa.

Inglês - Calma Maria!  Ainda está no começo. Logo vocês poderão realizar isso. Mas mantendo a calma, não é Ricardo?

Ricardo - Sim Inglês, vamos ir devagar...

Ricardo, filhos e a compra do Carro


Ricardo - Maria! Venha aqui fora!

Maria - Estou indo!

Ricardo - Traga as crianças!

Maria pensou - O que ele está tramando?

Ricardo - Olhem filhos!  Papai comprou um carro!

Filhos - Vamos dar uma volta papai?

Ricardo - Claro!  Entrem no carro!

Maria e Filhos -  Que legal nosso carro!




Ricardo, Maria, furto do carro e Inglês


Ricardo - Não acredito que roubaram meu carro!  Logo agora que acabei de comprar... O que vou fazer?

Maria - Calma querido, daremos um jeito.

Ricardo - Jeito como?  Esse país em que vivemos não tem futuro mesmo!

Inglês recebe a noticia - É sério que roubaram o carro do Ricardo?  Mas ele acabou de comprar! Se não me engano, ele financiou não?  Puts meu!  Não acredito!

Inglês pensa - Não posso deixar meu carro sem seguro!  Acabei de financiar esse treco! Imagina passar o que meu amigo está passando...  Contratarei um seguro agora!

Festinha dos filhos do Ricardo


Inglês -  E Ricardo hein?  Seu filho mais velho está completando 4 anos!  Quanto tem o mais novo mesmo?

Ricardo - 2 anos.

Inglês - Caramba hein...  Desafio não?

Ricardo - Sim!  Mas os amo muito! E farei qualquer coisa por eles...

Passaram-se 3 anos da Festinha


Inglês para sra Inglês - Nossa, faz tempo que não falo com o Ricardo

sra Inglẽs - Ligue para ele!

Inglês - Não tenho o telefone dele

sra Inglês - Então vá até a loja dele

Inglês - É, farei isso...

Inglês na loja - Olá, gostaria de falar com o Ricardo...

Atendente - O Ricardo não trabalha mais aqui senhor.

Inglês - Como assim?

Atendente - O senhor Ricardo vendeu a loja.

Inglês - Hmm, Ok. Obrigado!

Inglês, irmão do Ricardo e as consequências do vício

Consequências do vicio

Inglês - Ao sair da loja, decidi ir para a casa da minha mãe. E por ironia do destino, no caminho encontrei com o irmão do Ricardo. Conversamos um pouco, algum blá blá blá e no final, perguntei por seu irmão.

Irmão do Ricardo - Cara, meu irmão está perdido!  Para não dizer outra coisa...

Inglês - Mas... o que houve?

Irmão do Ricardo - Primeiro, a Maria expulsou ele de casa e seu sogro não o quer ver lá nem pintado de ouro! Segundo, ele perdeu a loja. E terceiro, sua vida corre perigo!

Inglês - Cara, que história é essa?

Irmão do Ricardo - Cara, meu irmão se meteu em algum tipo de vício. Não sei o que é, mas o fez destruir TUDO o que havia construído. Olha só a Maria, quando o traste do meu irmão iria arrumar uma mulher bela daquele jeito? E ela era extremamente apaixonada por ele. Agora, não o quer ver nunca mais... Mas entendo ela, afinal meu irmão literalmente queimou TODO o dinheiro que tinham. E não contente, ainda deve uma pequena fortuna para agiotas. Já sabe o que significa não é?

Inglês - Puts!  o Ricardo emprestou dinheiro de agiotas?

Irmão do Ricardo -  Sim! Sabe o carro que todos achavam ter sido furtado? Balela! Os agiotas tomaram dele! E o mentiroso teve coragem de dizer a nós que tinha sido roubado. Sabe a loja? Bom, nem preciso dizer...

Inglês - Meu! como o Ricardo fez essas coisas?  Cara, conheço ele desde pequeno. Sabe, desde o primeiro ano de escola. Depois do que você me contou, é mais do que compreensível a Maria e o Pai dela não o quererem por perto. Puts! E as crianças?

Irmão do Ricardo - Estão sofrendo! Alias, demais! Afinal, não entendem porque o pai não vai visita-los. E eles sempre perguntam sobre ele...

Inglês -  Cara, não consigo acreditar...  E os agiotas não ameaçaram a mulher dele?

Irmão do Ricardo - Não! Ainda bem... E espero que isso não aconteça...





Ah! No post sobre o maior erro quanto a dinheiro que cometemos, uma mensagem do Sr Buffet passou despercebida. Falarei a respeito...


Saiba o que está rolando no blog!







See ya!

segunda-feira, 25 de setembro de 2017


Ãh?  O Investidor Inglês atingiu a Independência Financeira (IF) e não divulgou aqui no blog? 

Antes fosse meu caro! Mas as lições que mostrarei não são minhas. Eu ainda não atingi a liberdade que tanto almejamos. Para mim, ainda é um looonnngo percurso...


As lições que compartilharei são do post cuja tradução deu nome ao meu - Valuable Lessons from my First Year of Freedom

E quais lições são essas?  Veja;

  • Tenha um projeto "no jeito" para preencher o tempo que antes seu trabalho ocupava.

  • Use o poder que o dinheiro te dá para tornar seu trabalho melhor.

  • Há um incrível mundo de coisas para aprendermos e explorarmos, e a IF da energia, liberdade e tempo para faze-las.

  • IF permite que você "pegue leve", diminua o ritmo e aprecie as coisas de uma forma diferente.

  • IF = Renascimento!  Você pode ser o que quiser depois da Independência Financeira!

  • O que você acha que fará após a IF pode não ser o que te faz feliz.

  • Depois de perceber quão boa a vida é, você cuidará da sua saúde.

Das lições acima, falarei sobre a primeira hoje. As outras pretendo explorar e tentar montar um post para cada.

Bom, sem delongas, vamos lá!

Tenha um projeto "No jeito"

Tenha um projeto no jeito para se aposentar!

Após terminar seu trabalho na sexta-feira, na verdade seu ultimo dia de trabalho como empregado, Mad Fientist encarou o final de semana como mais um, já que tudo estava dentro de sua rotina. Mas ai veio a segunda-feira... E em suas palavras;

"The only time in the entire first year that I freaked out about the whole thing.
A única vez em todo o primeiro ano que me assustou mesmo foi essa segunda"

Sair da rotina e entrar em um território desconhecido assustou Mad Fientist. Ele não pensou que precisaria estar preparado mentalmente para esse dia. Eu, Investidor Inglês, acredito que também ficaria assustado. Mesmo estando "preparado". E sabe o porquê?

Devido ao Novo! Sabe, A primeira vez?  Por mais preparado que você esteja, não se livrará da sensação "frio na barriga" que o novo proporciona. É uma experiência nova, que por mais que descrevam para você, só sentindo na pele para entender. Ao ler cada lição que o Mad conta, posso fechar os olhos e imagina-las. Mas apenas isso, entende?

Bom, mas o que fez o cara se sentir melhor?

Trabalho!

Pô Inglês, o cara se aposenta e na primeira segunda-feira o que fez ele não surtar devido a novidade foi trabalho?

É, mas entenda que não é um simples trabalho, que você precisa bater cartão e tudo mais. É um trabalho que você, repito, você escolheu! E aqui, não leve a palavra trabalho ao pé da letra. Encare-a como uma atividade. Sabe, o que você sempre quis fazer? Então...  E Mad se apoiou nisso.

Esse "trabalho", no qual ele era o boss, o chefe, foi a transição do Mad Fientist da pré IF para a pós IF!

Isso me faz lembrar do meu post - Aposentar Cedo não é tão legal quanto parece. Lembro de um blogueiro americano citando a falta de planejamento entre as fases pré e pós Independência Financeira. Vemos tanta gente planejando atingir a IF. E o que fazer quando atingirmos? Precisamos pensar nisso pois há um mundo de coisas a fazer nessa nova fase. E se não tivermos um plano, um foco, podemos nos afogar no imenso oceano de possibilidades que se abrem para nós...

Gostei muito da frase abaixo...
"Otherwise, what is there to get you out of bed in the morning, especially when that bed is much more comfortable?
Caso contrário, o que fará você sair da cama de manha, especialmente quando essa cama é muito mais confortável?"

Ah! No meu ultimo post, uma mensagem do Sr Buffet passou despercebida. Falarei a respeito...




See ya!

quinta-feira, 21 de setembro de 2017


Warren Buffet, um dos maiores investidores de sucesso no mundo, tem nos passado vários conselhos sobre dinheiro, como estes na imagem abaixo;

O maior erro sobre dinheiro que cometemos segundo Warren Buffet


Porém, hoje ele nos mostrará sua lição sobre o maior erro que cometemos quando o assunto é dinheiro.


Qual é o maior erro sobre dinheiro que cometemos?


Essa pergunta foi feita em uma entrevista realizada por Dan Patrick Show. Abaixo a resposta de Warren Buffet;

Well, I think the biggest mistake is not learning the habits of saving properly early. Because saving is a habit. And then, trying to get rich quick. It's pretty easy to get well-to-do slowly. But it's not easy to get rich quick.

Abaixo sua tradução;

Bem, acho que o maior erro é não aprender os hábitos de se economizar cedo. Por que economizar é um hábito. E então, tentar ficar rico rápido. É muito fácil ficar bem de vida devagar. Mas não é fácil ficar rico rápido.

Aqui o grande ponto. Economizar cedo! A mensagem subliminar que o senhorzinho nos passa nada mais é do que aproveitar a força dos juros compostos. E quanto mais cedo você começar, mais os juros compostos trabalharão por você.

Aqui uma simulação grosseira para demonstrar o que estou falando. Um jovem com 20 anos guardando mensalmente R$1000,00 na poupança, atingirá o sonhado milhão aos 50 anos.

Se você já passa dos trinta (como eu) e almeja a quantia igual ao jovem ai de cima, você precisa poupar mensalmente cerca de R$2850,00. Quase o triplo do que o jovem!

Não vou entrar no mérito das rentabilidades, pois é fato que com uma maior taxa podemos diminuir tempo ou aporte, ou ambos!

Já quanto a você leitor que passa dos trinta, não desanime! É fato que teremos que nos esforçar mais para conquistar o sonhado milhão, quanto a isso, não há nada que possamos fazer contra os mais jovens. Porém, lembre-se;

A corrida atrás do milhão é disputada apenas por uma única pessoa...você


Caso leia em inglês, aqui um link com mais conselhos do sr Buffet!




See ya!

segunda-feira, 18 de setembro de 2017


Quais as consequências do Ibovespa ultrapassar o topo histórico?


Dias desse o índice Ibovespa ultrapassou seu topo histórico. E com isso já surgem as "teorias da conspiração" idealizando o Ibovespa a 100 mil pontos em x ano e assim por diante. Bom, mas não será sobre isso o post de hoje.

Devido a euforia pelo fato apresentado acima, a Bolsa de valores passa a ser cada dia mais "divulgada".  Principais portais da Internet, TV e até mesmo jornais estampam em um lugar de destaque noticias enfatizando a conquista do Ibovespa. E com isso, começa a surgir interessados a entrar na onda...

Aqui onde trabalho, um cara descobriu meu interesse pela renda variável ao me ver lendo O Investidor Inteligente - Benjamin Graham. Falei para ele do que se tratava o livro e pronto, logo o Investidor Inglês passou a se chamar "o carinha da bolsa".

Livro - O Investidor Inteligente - Benjamim Graham
Livro mais que indicado!

É interessante que no estágio de deslumbre, as pessoas parecem "desligar" seus raciocínios. Esse cara que me chamou de "carinha da bolsa", está neste estágio. Após responder algumas perguntas sobre a bolsa, até tentei dar um norte a ele, mas nada o faz largar a tela do Home Broker...

Uma das consequências ruins do atual momento, é que você faz qualquer coisa e consegue tirar um lucro. Foi assim comigo acho que em 2008, não lembro bem o ano, só sei que foi quando o Ibovespa atingiu o topo, que agora foi ultrapassado.

Naquela época, fazia contas igual a esse cara que trabalha comigo. 10% em uma semana?  Sim, é possível!!! Dizia o jovem Inglês quase uma década atrás...     Shame on me!

É engraçado que dizemos isso com base apenas na tela, vemos uma ação disparar e atingir o percentual que sonhamos e pronto, a "estratégia" está consolidada. Porém, lembre-se do infame trocadilho - A renda variável - varia...

Parece besteira, mas no inicio de nossa jornada na bolsa de valores, acabamos por "esquecer" desse detalhe. Por isso falei que as pessoas desligam seus raciocínios. E eu me incluo nisso. Afinal, lá atrás entrei na bolsa desse mesmo jeito...

E como consequência de esquecer um "mísero" detalhe da renda variável, você monta operações, contabiliza um lucrinho, vai para a próxima, outro lucro, até que chega o prejuízo. Para a sorte de alguns, o prejuízo já vem de primeira, assim fazendo-o repensar sua estadia...

Já para aquele que estava tendo lucro atrás de lucro, dependendo do tamanho do prejuízo, talvez não seja suficiente para o fazer "abandonar o barco". Nesse estágio, a dopamina (Artigo bem legal do amigo Termos Reais) já está em níveis altos...  E ao não sair da jogatina, suas chances de perder TUDO só aumentam.

Não estou aqui torcendo por seu insucesso não. A ideia do post é para que você não se deixe levar pela euforia do momento.  Saiba que para operar na bolsa de valores você precisará estudar, independente do rumo que queira tomar. Não se iluda com as propagandas;

 - 10% ao mês!  - Ficar milionário investindo na bolsa de valores e etc...

A bolsa de valores pode dar uma boa alavancada em seu patrimônio, mas isso se você não cometer o mesmo erro que eu, o cara que trabalha comigo, meu amigo e mais um monte de gente por ai.

Não se empolgue com os números!  Veja 5 dicas para iniciar na Bolsa de Valores


Saiba o que está rolando no blog!







See ya!

sexta-feira, 15 de setembro de 2017


Vamos analisar a estratégia Barbell


Lembra que apresentei a estratégia Barbell? Não? Falei sobre ela neste post. Bom, para adiantar, a estratégia barbell é ter 90% do seu patrimônio em ativos de baixo risco e os 10% restantes em ativos de alto risco. Isso segundo nosso amigo Nassim Taleb. Lembra do livro A Lógica do Cisne Negro? Então, Taleb é o autor...

Bom, e como se saiu a estratégia?  Vencedora! Yeah!  Veja abaixo;


Primeiro Teste da Estratégia Barbell


Como ativo de alto risco, recorri as temidas opções. Montei a operação dia 23/06/2017 com PETR4 valendo R$11,93. Abaixo as opções compradas;

  • PETRI13 - Opção CALL com vencimento em 18/09/2017. Nesta simulação a compra foi feita no dia 21/06/2017 por R$0,54

  • PETRU52 - Opção PUT com vencimento em 18/09/2017. Aqui a compra foi feita por R$0,33

Foi comprada 1000 opções de cada gerando um custo de R$852,00 (já contando corretagem e impostos)

Desmontando a operação enquanto escrevo, dia 12/09/2017, ou seja, vendendo as PETRI13 a R$1,96 cada e deixando as PETRU52 virarem pó, chego a um lucro liquido de R$1.119,00!

Bom, o fator primordial para esse operação sair vencedora foi a valorização expressiva da Petrobras. Afinal, ela saiu de R$11,93 para quase R$15,00!  Isso foi determinante para o sucesso da estratégia.



Segundo Teste


Um mísero teste não serve para dizer se a operação funciona, não é mesmo? Então, monto aqui mais um;

  • PETRL17 - Opção CALL com vencimento em 18/12/2017. Nesta simulação a compra foi feita no dia 12/09/2017 por R$0,44

  • PETRX10 - Opção PUT com vencimento em 18/12/2017. Aqui a compra foi feita por R$0,60

As duas opções acima foram compradas 1000 de cada gerando um custo total de R$1021,77 (já considerando corretagem e impostos)

Aguardemos cenas dos próximos capítulos...



Lembrando que isso é apenas um estudo inicial, passando longe de ser recomendação de compra/venda!





See ya!

quarta-feira, 13 de setembro de 2017


E cá estamos para mais um fechamento do meu estudo sobre a fórmula mágica Joel Greenblatt. Conhece? Acho que sim, mas se não, clique no link destacado palavras atrás.

Bom, Agosto o mês que dizem durar décadas, passou. Ainda bem que não dura décadas, pois se assim fosse eu seria um Matusalém!!!  Sim, Agosto é o mês onde fico mais experiente e não mais velho ok?

Voltando ao estudo, vamos ver como se comportou a carteira de ações neste mês.

Comparativo fórmula mágica joel greenblatt x ibovespa


Olhando o gráfico acima, vemos que a fórmula mágica de Joel Greenblatt continua batendo o Ibovespa. O anual está com uma valorização expressiva -  32,89% contra 17,61% para o Ibov. Já no mensal, a diferença não foi tão grande como vemos acima.


Destaques do mês


As ações que se destacaram positivamente no mês são;
  • ESTC3      29,36%;
  • FIBR3       29,23%;
  • KROT3     19,18%.

No âmbito negativo, os meus pêsames vão para;
  • CIEL3      -14,44%
  • BEEF3     -6,61%
  • MDIA3    -3,49%

Vale comentar que a ESTC3 novamente foi a estrela do mês ao emplacar dois meses de forte alta! A FIBR3 recuperou a pequena desvalorização do mês passado e deu um belo salto assim como a ESTC3.

E a CIEL3, será que abriu uma oportunidade de compra?  Pretendo postar a respeito...


Comparativo Fórmula Mágica Joel Greenblatt x Ibovespa 


Carteira com 8 ações contra o Ibovespa


E o resultado anual da carteira com apenas 8 ações está sendo muito bom - 44%!  

No mensal, a carteira fez 14 contra 7% do Ibovespa. Praticamente o dobro!  É Ibov, mesmo com todo seu gás, está difícil para você hein? 

Se quiser saber os parâmetros que usei nesse estudo, clique aqui e saiba mais. E no site do Investidor Jovem há uma página (aqui) com uma carteira atualizada diariamente!

Ah, se lembra da estratégia Barbell?  Então, o próximo post falarei de seu resultado. Aguarde...








See ya! 

segunda-feira, 11 de setembro de 2017


senhor sai do Nordeste e constrói patrimônio do zero aos quinhentos mil


Após ler o post O caminho mais comum para estudantes - Trabalho sem saida do amigo Termos Reais, lembrei de um senhor que foi do zero a um patrimônio de mais ou menos 500 mil reais sem ter estudo algum. Sim, este senhor não foi para a escola em sua infância. Infelizmente ou felizmente (vai saber não?)

Bom, mas o fato é que isso não impediu este senhor de seguir em frente na sua busca a melhores condições de vida. Veja abaixo;


Do 0 a 500 mil reais


Certo dia recebi um telefonema pedindo suporte em um computador. Na hora pensei - Legal, trabalho extra!  Anotei o endereço e no dia combinado me dirigi a casa dele.

Bom, enquanto estava lá resolvendo o problema em seu computador, o senhor começou a conversar comigo. Entre um assunto e outro, surgiu um de como eu comecei a trabalhar com TI. Após falar como foi minha saga, perguntei a ele qual foi a dele. E ele respondeu;


   "Sai cedo do Nordeste, acho que tinha uns 14 anos. Vim para São Paulo com uma muda de roupa e muita disposição. Se me perguntasse se tive medo, te responderia - Claro que tive medo! Mas tinha mais medo de ficar em minha terra...

Ao chegar em São Paulo, logo arrumei um emprego de servente. E ai começou minha jornada. 

Morei de favor até conseguir um canto, que devido as minhas condições, demorou um pouco. Enquanto lutava para melhorar minhas condições, ou seja, trabalhava duro diariamente, ia juntando o pouco que sobrava mês a mês. Juntei ao ponto de conseguir comprar um terreno no interior. 

Com o terreno comprado mais minha experiência construí minha casa. Nessa época, estava praticamente casado. Minha mulher trabalhava diariamente como diarista, e também não media esforços em mudar sua situação. 

Hoje você vê a casa assim, bonita. Mas lembro quando entrei aqui pela primeira vez. Era só paredes e um teto. E o engraçado que ao entrar nessa casa, eu e minha mulher tivemos uma grata surpresa. Ela estava grávida. Foi ai que juntei mais forças de buscar melhores condições de vida. 

Para não tomar muito seu tempo, vejo que o computador está praticamente pronto, resumo que dediquei um bom tempo da minha vida ao trabalho. E como essa vida de peão é dolorosa, procurei formas de amenizar essa dor quando mais velho. Assim, levantei essa casa em cima da minha para alugar. E com os aluguéis fiz da minha garagem um bar."


É senhores(as), em apenas mais um trabalho extra, fui presenteado com essa bela história de vida. Tanto o senhor quanto sua mulher, trabalharam muito, muito mesmo, mas hoje colhem o que plantaram.

Como fora empregado por boa parte da vida, o segredo desse senhor, melhor da família, foi levar uma vida simples. Tanto que nem carro eles tem. Ao invés de gastar com esse passivo, eles procuraram expandir seus ativos. Uma bela interpretação dos ensinamentos do Pai Rico Pai Pobre...




Saiba o que está rolando no blog!







See ya!